Translate

terça-feira, 1 de abril de 2014

E AGORA O QUE EU FAÇO ???

Tem gente que acha que um casamento precisa de dois ou três anos de antecedência (no meu caso o tempo é longo porque a grana é curta), mais apesar de tudo o mais importante é que seja a cara dos noivos, que seja natural e as vezes com muita criatividade é que se acontece a festa dos sonhos. Para pra pensar, é a única festa grande que você vai dar, reunir a família, os amigos desde criança, uma vez eu ouvi que a festa na sua casa você chama os seus amigos de hoje, seus amigos do dia-a-dia, para seu casamento você chama os amigos da sua vida, e é a mais pura verdade.



Antes de se perder e atropelar as coisas é hora de se pensar nos mínimos detalhes, é a hora que surgem palpites de todos os lados e o mais importante é não sair do foco.

É hora de pensar em 4 coisas importantes


1· PRÉ -ORÇAMENTO

O quanto eu tenho, o quanto posso conseguir se eu cortar aquele sapato novo do final do mês ou aquela voltinha no shopping no final de semana.
Saber de quanto se pode dispor é fatos importante para se começar, e o mais importante é manter os pés no chão, fazer um plano de até quanto eu posso gastar/investir sem que eu entre numa roubada. Definir essas questões fazem toda diferença entre fazer a festa dos sonhos ou se tornar a festa do pesadelo.


2· LISTA DE CONVIDADOS

Não há nada mais desagradável do que no meio do casamento você esbarrar com o sobrinho neto da sua vizinha que você nem sabia que existia no meio do seu casamento. Defina seus convidados de modo que não se arrependa depois. Ponha limites, se sua festa é apenas para familiares, amigos íntimos, amigos próximos, colegas ou o bairro todo.
Lembre-se que sua tia solteirona pode até não arrumar um namorado até lá porém ela pode querer levar a amiga que faz feira com ela toda semana.
Com quem você deseja dividir esse momento?
Aproveite para definir seus padrinhos, lembre-se que chamar aquele super amigo que namora para entrar com sua prima pode causar desconforto.
Normalmente as listas são divididas entre metade dos convidados do noivo e metade da noiva, mais isso não é regra e também não é quem paga mais pelo casamento que tem a maior parte dos convidados, tudo isso tem que ser dialogado entre o casal e suas famílias?
É a partir da lista inicial que se baseiam os gastos, desde a locação do espaço, o buffet, as lembrancinhas, a decoração...
Leve em consideração também uma pequena porcentagem a mais de convidados, afinal quem está solteiro hoje pode namorar amanha, e pra casamento por ser um evento único todos fazem um esforço para comparecer, até mesmo aquela sua tia avó que você não vê desde que tinha 15 anos.


3· DEFINIR A ÉPOCA E O LOCAL

Seu casamento vai ocorrer em que época? Se não parou para pensar nisso é melhor colocar como prioridade.
Se casar em um sábado a noite muitas vezes são muito mais caro do que em um dia da semana ou um domingo e até quanto vale desembolsar mais pelo sábado? Eu visitei um espaço que a locação de um sábado era aproximadamente 20 mil reais mais caro que no domingo.
E não é só isso, se você sonha casar em um belo por do sol a beira do jardim lembre-se que no inverno o sol se põe mais cedo, ou no verão há um grande risco de chover. Se você vai se casar pela manha é possível escolher uma roupa mais leve, sem brilho e um almoço mais simples, ao contrario da noite que pede um ar de glamour e um bom jantar.
Se for casar em um feriado prolongado lembre-se o risco dos seus convidados terem outros planos é muito alto, assim como se casar em mês de férias, festas de final de ano ou carnaval, o investimento pode ser caro caso metade dos seus convidados não compareçam.


4· ONDE

Se você não abre mão de se casar na igreja que você vai desde criança, leve em consideração a fila de espera. Há igrejas que tem filas de dois até três anos, e pense bem muitas delas não toleram atrasos.
Casar na igreja com recepção em um salão distante pode ser que mitos dos seus convidados espertinhos não compareçam na cerimônia a seguir direto pra recepção, ou então saem mais cedo da cerimônia para garantir o melhor lugar na festa.
Cerimônia no local da festa pode deixar seus convidados dispersos se você se atrasar demais ou com o religioso seja muito longo, mais financeiramente pode ser muito bom já que haverá gastos só com uma decoração.
Um local bonito economiza a decoração.
O mais importante é conhecer os locais a fundo independente da escolha. Vá no local varias vezes antes de dizer sim. Fale com quem já casou no local, vá em dias de festa, veja como se portam, como te recebem isso evita surpresas desagradáveis.


São pequenos passos que vão te dar direcionamento para definir o local, o estilo e a proposta do seu casamento.



Boa sorte!

Bia

Nenhum comentário:

Postar um comentário